NORDESTE  |  Infraestrutura e Mobilidade Urbana

Observatório da Mobilidade: Prefeitura de Teresina (PI) e Agência Francesa de Desenvolvimento firmam cooperação internacional

Nessa edição do IDeF estamos abordando projetos de cooperação internacional descentralizada na área de mobilidade urbana e infraestrutura, e o projeto “Observatório da Mobilidade” do grupo Teresina 2030 é um exemplo bastante inovador e sustentável de gestão pública.

O projeto “Observatório da Mobilidade” é uma ação presente dentro da Agenda Teresina 2030, um think tank criado com o objetivo de pensar soluções sustentáveis que combinem aspectos de “governo aberto” com “urbanismo inteligente” e que ajudem o município a alcançar os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU. O órgão, através de suas iniciativas inovadoras, busca diminuir, a longo prazo, o grau de vulnerabilidade da capital piauiense a fatores problemáticos como aumento populacional, secas, enchentes e problemas sociais de saúde.

O OBSERVATÓRIO DA MOBILIDADE

 

Os objetivos do projeto são: melhorar a imagem do serviço de transporte público e aumentar a confiabilidade da sociedade nele; aumentar a eficiência do sistema público e buscar um “compartilhamento de responsabilidades do bom funcionamento do transporte público”; e fazer com que o transporte público seja preferível aos meios de transporte particulares a fim de conseguir uma redução da emissão de gases-estufa.

O observatório ainda não está funcionando, apesar do termo de referência do projeto já estar em fase de finalização. Mesmo assim, essa prática já obteve um grande suporte e reconhecimento internacional. Em outubro do ano passado, no Chile, durante a segunda edição da Conferência das Cidades (focada em mobilidade urbana sustentável) organizada pela Comissão Econômica para América Latina e o Caribe (CEPAL), o “Observatório da Mobilidade” obteve o prêmio de melhor projeto.

 

A parceria com a AFD tem tido resultados interessantes. A ação foi apresentada durante o fórum “Transição para uma Mobilidade Inclusiva e a Construção de uma Nova Cultura Urbana no Brasil”, organizado pela AFD junto com os governos do Estado de São Paulo e do Rio de Janeiro e, em abril desse ano, foi assinado um Termo de Cooperação de longo prazo entre a prefeitura de Teresina e a AFD estabelecendo ações para a capacitação técnica dos servidores da prefeitura de Teresina, o que beneficiará outras atividades e projetos além do “Observatório da Mobilidade”

A iniciativa foi selecionada para receber financiamento da União Europeia, dentre todos os projetos da América Latina

que estavam

concorrendo.

Também no ano passado, a iniciativa foi selecionada para receber financiamento da União Europeia, dentre todos os projetos da América Latina que estavam concorrendo. O financiamento obtido foi de 500 mil euros através da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD).

Essa iniciativa da Agenda Teresina 2030 consiste na utilização da tecnologia blockchain (usada na proteção de criptomoedas) para monitorar e dar transparência às informações tais como os trajetos, horários e cumprimentos do serviço do sistema de transporte público na capital. Essas informações estarão disponíveis para a população, que junto a um comitê de monitoramento desses dados aproximará a sociedade do serviço público de mobilidade urbana.

Assinatura do termo de Cooperação a longo prazo. Foto: Rômulo Piauilino - Prefeitura de Teresina.

A iniciativa da prefeitura de Teresina representa uma resposta inovadora, sustentável e replicável com potencial de solucionar problemas relacionados à mobilidade urbana em várias cidades brasileiras. Além disso, trata-se de uma forma inclusiva de aproximar a sociedade dos mecanismos de gestão pública da cidade, dando uma maior legitimidade e participação social à governança local.

A iniciativa da prefeitura de Teresina representa uma

resposta inovadora,

sustentável e replicável

Referências

Projeto da Agenda Teresina 2030 é apresentado aos governos do Rio de Janeiro e São Paulo. FNEM Brasil. Disponível em:<http://fnembrasil.org/projeto-da-agenda-teresina-2030-e-apresentado-aos-governos-do-rio-de-janeiro-e-sao-paulo/> . Acesso em: 24 Maio 2019

Prefeitura de Teresina avança em parceria com agência francesa para implementar Observatório da Mobilidade. Diario Do Transporte. Disponível em: <https://diariodotransporte.com.br/2019/04/07/prefeitura-de-teresina-faz-parceria-com-agencia-francesa-para-implementar-observatorio-da-mobilidade/>. Acesso em: 24 Maio 2019

Projeto Observatório da Mobilidade ganha prêmio em Conferência Internacional. Conheça Teresina. Disponível em: <https://conhecateresina-pi.blogspot.com/2018/10/projeto-observatorio-da-mobilidade.html>. Acesso em: 24 Maio 2019

Conheça o projeto brasileiro de mobilidade urbana que usa blockchain. Futuro das Cidades. Disponível em: <http://futurodascidades.com.br/2018/07/30/conheca-o-projeto-brasileiro-de-mobilidade-urbana-que-usa-blockchain-criptomoedas-facil/>. Acesso em: 24 Maio 2019

27 DE MAIO DE 2019

© 2019 por Internacionalização Descentralizada em Foco - IDeF.

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone